Como anda a imagem da organização: mensurando a reputação

No início deste mês foi divulgado que a Natura, empresa brasileira fabricante de cosméticos, é uma vez mais a primeira colocada no Monitor Empresarial de Reputação Corporativa – MERCO. Essa é a quinta vez consecutiva que a Empresa aparece na liderança. O ranking mede a reputação das empresas há 18 anos e já foram realizadas cinco edições no Brasil.

Avaliar como uma organização é percebida sempre foi uma preocupação de empresários, executivos e gestores. A imagem que uma organização projeta ou pensa que projeta nem sempre é aquela percebida pela sociedade e para compreender de que forma uma determinada organização é enxergada é importante avaliar a sua reputação.

A partir da avaliação outro grande desafio das organizações tem sido compreender como a reputação pode ser construída e sobretudo como sustenta-la de maneira que se torne uma fonte de vantagem competitiva.

No Dicionário do Aurélio Online 2018 reputação é definida como: ter em conta de, considerar, julgar, crer, avaliar, dar reputação ou bom nome a considerar-se, julgar-se. Conceito de que alguém ou algo goza num grupo humano. A reputação geralmente está relacionada a consequências favoráveis às organizações, de ordem até econômica por isso é importante que ela seja monitorada.

A reputação indica como os produtos/serviços, empregos, estratégias e clientes de uma determinada empresa estão sendo percebidos e comparados com os mesmos aspectos de empresas concorrentes (FOMBRUN e SHANLEY, 1990).

Além da metodologia utilizada no MERCO mencionada, existem inúmeras outras para avaliar a reputação de uma companhia. A Revista Fortune desenvolve alguns dos rankings mais consagrados, incluindo o “America’s Most Admired Companies”, “The 100 Best Companies to Work For” e “The Global Most Admired Companies”.

Outra metodologia bastante difundida é o chamado “quociente de reputação” desenvolvido pelo Reputation Institute para atender demanda de diversos países.

O quociente de reputação foi desenvolvido tendo como base as dimensões que segundo estudos desenvolvidos configuram a reputação de uma empresa. Ele se baseia em sete dimensões: produtos e serviços, inovação, ambiente de trabalho, governança, cidadania, liderança e desempenho conforme ilustrado na Figura 1.

No próximo Dicas de Gestão retornaremos ao tema para detalhar os atributos/indicadores considerados em cada uma das sete dimensões que compõem o quociente de reputação.

Espero você!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s